14º Tabelionato de Notas

NOTÍCIAS

Seminário destaca impacto das Tabelas Processuais Unificadas nas estatísticas da Justiça
16 DE MAIO DE 2024


Muitas são as possibilidades da aplicação das pesquisas empíricas no Poder Judiciário. Com base em informações concretas, é possível elaborar desde trabalhos científicos, matérias jornalísticas até políticas públicas, promovendo a transparência e o conhecimento na melhoria de vida da população brasileira.

Na próxima sexta-feira (14/5), o Departamento de Pesquisas Judiciárias (DPJ) do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) promove seminário que vai abordar a relevância do uso das Tabelas Processuais Unificadas na produção de estatísticas da Justiça. O evento pode ser acompanhado pelo Canal do CNJ no YouTube, a partir das 17h.

A ideia é orientar aqueles que lidam diretamente com a prestação jurisdicional a não apenas entenderem o valor das pesquisas, mas como e o que podem fazer com esse conhecimento e acesso a dados, em seu dia a dia. A iniciativa compõe a série ‘Como fazer Pesquisas Empíricas aplicadas a Políticas Judiciárias’, cujo objetivo é explicar os fundamentos dos estudos empíricos, como produzir dados e analisá-los, entre outras etapas relevantes do processo de construção de pesquisa empírica aplicada ao Direito.

A pesquisa empírica é uma abordagem científica que visa coletar dados observáveis e mensuráveis através de métodos e técnicas de pesquisa. Entender os dados pode evitar com que os gestores públicos ajam com base em teorias não comprovadas ou ideias pré-concebidas, permitindo que utilizem as informações que têm em mãos de maneira mais assertiva e eficaz.

A abertura do seminário ficará a cargo da juíza auxiliar da Presidência do CNJ e supervisora do DPJ Ana Aguiar. O painel sobre as Tabelas Processuais Unificadas e o impacto nas estatísticas do Poder Judiciário ficará a cargo da diretora de Projetos e do diretor Técnico do DPJ, respectivamente, Isabely Mota e Igor Stemler. Em seguida, os participantes poderão fazer perguntas e tirar dúvidas sobre o tema.

As Tabelas Processuais Unificadas do Poder Judiciário foram criadas pela Resolução CNJ nº 46/2007 para aprimorar a coleta de informações estatísticas ao planejamento estratégico do Poder Judiciário e melhorar o uso da informação processual.

Acompanhe o seminário no canal do CNJ do YouTube

Texto: Regina Bandeira
Edição: Thaís Cieglinski
Agência CNJ de Notícias

Macrodesafio - Aperfeiçoamento da gestão administrativa e da governança judiciária

Outras Notícias

Anoreg RS

Setor imobiliário teme aumento de impostos sobre imóveis com reforma tributária
13 de junho de 2024

Um dos pontos da proposta do governo prevê progressividade, quanto maior o valor do imóvel, maior o tributo em...


Anoreg RS

Cartório Galópolis de Caxias do Sul relata o pesadelo vivido durante as fortes chuvas no RS
13 de junho de 2024

Após 28 dias inoperante devido ao deslizamento de terra que ocasionou a perda total do estabelecimento, o cartório...


Anoreg RS

Pedidos de novos documentos são recebidos em Guaíba
12 de junho de 2024

A Comarca de Guaíba realizou ação itinerante pelo programa Recomeçar é Preciso!, com visitas a dois abrigos...


Anoreg RS

Princípio da concentração na matrícula da pessoa natural
12 de junho de 2024

O grande jurista Miguel Reale1 defendia que um dos méritos do Código Civil vigente era não se apegar ao rigor...


Anoreg RS

Caixa abre cadastro de imóveis para atender desabrigados no RS
12 de junho de 2024

A Caixa Econômica Federal (CEF) abriu nesta terça-feira (11) o cadastro para receber ofertas de moradias prontas,...


Anoreg RS

STJ Jurisprudência publica informações de processo de divórcio post mortem
12 de junho de 2024

Processo     Processo em segredo de justiça, Rel. Ministro Antonio Carlos Ferreira, Quarta Turma, por...


Anoreg RS

Começa cadastramento de imóveis prontos para doação às famílias do Rio Grande do Sul
11 de junho de 2024

Todas as etapas serão realizadas pela internet. Imóveis serão destinados para famílias das faixas 1 e 2 do...


Anoreg RS

Relatório final do “Registre-se!” deste ano aponta quase 27 mil atendimentos no Amazonas durante a Semana Nacional do Registro Civil
11 de junho de 2024

Número mais que dobrou em comparação com os dados de 2023 no estado, que, além de Manaus, também foi realizado...


Anoreg RS

Simpósio Nacional: 4 Anos de e-Notariado está com inscrições abertas
11 de junho de 2024

O Notariado Brasileiro está prestes a celebrar um marco revolucionário: os 4 anos da plataforma digital...


Anoreg RS

STF valida cobrança de IR em conjunto com ITCMD sobre transferência de imóvel de herança
11 de junho de 2024

O ganho de capital nas transferências de bens de falecidos ou doadores configura acréscimo patrimonial, que está...