14º Tabelionato de Notas

NOTÍCIAS

Projeto Justiça Itinerante será lançado nesta semana em Porto Alegre
27 DE FEVEREIRO DE 2024


O Projeto Justiça Itinerante do TJRS  será lançado oficialmente na próxima quinta-feira, dia 29/2, às 14h, na esquina da avenida Beira Rio, com a avenida Desembargador Melo Guimarães, no bairro Belém Novo (em frente à Subprefeitura Extremo Sul da capital gaúcha). A cerimônia contará com a presença do Presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Alberto Delgado Neto, e demais integrantes da Administração.  Um ônibus do Judiciário gaúcho estará no local para a realização dos atendimentos. Inicialmente, a solenidade estava programada para o mês passado, com data acertada para o dia 19/1, mas teve que ser suspensa em função dos reflexos causados pelas fortes chuvas na época, que ocasionaram falta de energia elétrica em vários pontos do Estado.

A iniciativa irá promover o atendimento das demandas encaminhadas pelas  populações residentes em áreas vulneráveis dos municípios do Estado do Rio Grande do Sul, com a finalidade de assegurar a entrega da prestação jurisdicional nos  segmentos de Direito Civil, de Família, do Juizado Especial Cível e matéria relativa aos Serviços Notariais e Registrais.

Segundo o Juiz-Corregedor Alejandro César Rayo Werlang, a expectativa é de que o programa se expanda para outras regiões da cidade nos próximos meses, com previsão do ônibus da Justiça Itinerante estar a cada dia da semana em uma região diferente, previamente definida. Os locais já foram mapeados pela Corregedoria-Geral da Justiça do RS em conjunto com a Assistência Social do Município e serão divulgados oportunamente.

A Gestora do Projeto, Desembargadora Gisele Anne Vieira de Azambuja, destacou que o Justiça Itinerante desempenha um papel vital na promoção de cidadania ao garantir que os serviços judiciais estejam disponíveis para todos. ” Este é um modelo inovador que busca eliminar as barreiras físicas e sociais que impedem as pessoas de acessarem a justiça de forma plena”, avalia a magistrada.

Ela acrescentou que o programa foi desenvolvido em parceria com a Defensoria Pública e Ministério Público do RS que, de forma conjunta, irão até o cidadão, contribuindo para a democratização dos serviços jurídicos. ” Os juízes, servidores, promotores e defensores desempenham um papel ativo extremamente importante ao se deslocarem para atender essas comunidades, entendendo suas necessidades específicas e oferecendo soluções. A Justiça Itinerante contribui para desmistificar o sistema judicial, aproximando o cidadão dos processos legais e promovendo a confiança na instituição,” afirma a Desembargadora Gisele.

Após o lançamento, a Justiça Itinerante funcionará todas as quintas-feiras, das 09 às 15h, no mesmo local, através do ônibus que estará na localidade. Os magistrados  designados para atuarem no programa terão competência para conciliação, instrução e julgamento das causas judiciais.

Estarão disponíveis à população serviços como:

  • Atendimento relacionado às questões de Direito de Família (divórcio, pensão alimentícia, guarda, conversão de união estável em casamento e investigação de paternidade, entre outros);
  • Ingresso de demandas junto ao Juizado Especial Cível (“pequenas causas”);
  • Atendimento pela Defensoria Pública;
  • Atendimento pelo Registro Civil (emissão de segunda via de certidões de nascimento e/ou casamento).
  • Atendimento relacionado às questões de Direito Civil (usucapião, contratos bancários, consumidor, inscrição em SPC/SERASA, entre outros).

 

Fonte: TJRS

Outras Notícias

Anoreg RS

Artigo – Certidão de nascimento para “pet´s” – Animais de estimação é possivel?
12 de abril de 2024

Pets ganham status de membros familiares, refletindo-se em mercado bilionário. Proposta de dar sobrenome e...


Anoreg RS

Aprovada Frente Parlamentar do Serviço Notarial e Registral
11 de abril de 2024

Aprovada Frente Parlamentar do Serviço Notarial e Registral


Anoreg RS

Governo desiste de urgência em projeto de lei das falências no Senado
11 de abril de 2024

Governo desiste de urgência em projeto de lei das falências no Senado


Anoreg RS

Você conhece o Fórum de Desenvolvimento Imobiliário?
11 de abril de 2024

Você conhece o Fórum de Desenvolvimento Imobiliário?


Anoreg RS

Sessão solene celebra os 35 anos de atuação do STJ na concretização de direitos
11 de abril de 2024

Sessão solene celebra os 35 anos de atuação do STJ na concretização de direitos


Anoreg RS

Devedor tem de ser informado de data de leilão extrajudicial, reafirma STJ
11 de abril de 2024

Devedor tem de ser informado de data de leilão extrajudicial, reafirma STJ


Anoreg RS

Artigo – O compartilhamento espontâneo e provocado dos relatórios de inteligência financeira
10 de abril de 2024

Artigo - O compartilhamento espontâneo e provocado dos relatórios de inteligência financeira


Anoreg RS

STJ publica Informativo de Jurisprudência Edição especial de 35 anos
09 de abril de 2024

STJ publica Informativo de Jurisprudência Edição especial de 35 anos


Anoreg RS

CNJ Jurisprudência trata da nomeação de interino em caso de vacância do cartório
09 de abril de 2024

CNJ Jurisprudência trata da nomeação de interino em caso de vacância do cartório


Anoreg RS

Portaria nº 15/2024 d o CNJ altera Portaria que nomeia integrantes da Câmara de Regulação da função de Agente Regulador dos Operadores Nacionais
09 de abril de 2024

Portaria nº 15/2024 d o CNJ altera Portaria que nomeia integrantes da Câmara de Regulação da função de Agente...